O que é Catarata?

 Catarata é definida como a presença de opacidade no cristalino. A catarata pode ocorre em graus variados de opacidades leves que não alteram a visão até a  opacidade total do cristalino que reduz a visão para menos de 10%. A pessoa então tem a sensação de enxergar como se tivesse uma " névoa" nos olhos.



Quais são os sintomas?

A catarata normalmente leva a uma diminuição da visão, mesmo durante o dia. A maioria das pessoas com catarata tem alterações parecidas nos dois olhos. No entanto, um olho pode estar pior que o outro. Os problemas visuais da catarata podem incluir as seguintes mudanças:

Sensibilidade à claridade excessiva;

Visão difusa, turva, opaca ou nebulosa;

Dificuldade de enxergar à noite ou em pouca luz;

Visão dupla;

Perda da intensidade das cores;

Problemas para distinguir formas contra um fundo ou distinguir diferentes tons de cores;

Visão noturna comprometida;

Cores que aparecem desbotadas e amareladas;



Causas?

O cristalino normalmente é transparente, ele atua como uma câmera. Isso permite que o cristalino concentre o foco em um objeto, não importando a distância. Conforme envelhecemos, as proteínas do cristalino começam a se degenerar e ele se torna opaco. O que olho vê pode parecer turvo.

Os fatores que podem acelerar a formação catarata:

Diabetes

Inflamação no olho

Lesão no olho

Exposição à radiação

Fumo

Exposição excessiva a raios ultra violetas ( luz do sol)



Tratamento?

Na busca por tratamento, o paciente deve ficar ciente que não existem medicamentos, colírios essenciais ou óculos que melhoram ou previnam o surgimento da catarata.

O único tratamento para catarata é a cirurgia para removê-la. Quando a baixa da visão prejudicar as atividades diárias, a cirurgia deve ser considerada.

Na cirurgia de catarata, a lente natural opacificada é removida e substituída por uma lente intra ocular permanente. As lentes implantadas são definitivas e não precisam ser trocadas.

 



Complicações Possíveis

È raro, mas a catarata que chega a um estado avançado pode começar a atingir outras partes do olho. Isso pode causar uma forma dolosa de glaucoma e inflamação dentro do olho ( chamada de catarata hiper madura)

 



Prevenções?

Usar óculos escuros quando estiver ao ar livre durante ao dia pode diminuir a quantidade de raios ultra violeta ( UV) , os fumantes deixar de fumar.

A melhor prevenção é o controle das doenças que aumentam o risco de catarata e evitar a exposição a fatores que basicamente promovem a formação de catarata.



Diagnosticos?

O oftalmologista baseia-se nas queixas de visão nebulosa trazidas pelo paciente, bem como em uma analise da parte interna do olho, a qual é feita por meio de um aparelho chamado oftalmoscópio . Por fim, o exame com equipamento especial , permite que o especialista observe o cristalino e consolide o diagnóstico.



Lentes Intra oculares

A lente intra-ocular é uma lente artificial feita de plástico, silicone ou acrílico que realiza a função da lente natural do olho. A maioria das LIOs de hoje tem aproximadamente 0,5 cm de diâmetro e são macias o suficiente para serem dobradas e colocadas no olho através de uma incisão muito pequena. As lentes intra-ocular podem proporcionar um melhor desempenho visual em um campo inteiro de visão, de perto, longe e intermediário, inclusive para pacientes com astigmatismo, pode proporcionar uma imagem com qualidade superior , pois possibilita um alto índice de detalhes e contrastes graças a sua avançada tecnologia asférica, para recuperação da qualidade de visão apenas de longe em um só passo, consulte o seu médico e veja se você tem indicação para qual LIO.

Existem basicamente três classes de lentes:

- Lentes Monofocais (não Tóricas) – ideais para pacientes que não possuem astigmatismo corneano, ou sem indicação de correção da Presbiopia. É a classe mais antiga e mais utilizada.

- Lentes Monofocais Tóricas – ideais para pacientes que possuem astigmatismo corneano, condição que não é corrigida com as Lentes Monofocais (náo Tóricas). O objetivo é diminuir a dependência dos óculos para longe.

- Lentes Multifocais/Acomodativas – ideais para pacientes que desejam diminuir a dependência dos óculos, tanto de longe, como de perto. É a classe mais moderna, no entanto necessita da avaliação de um especialista para a correta indicação.

As lentes intraoculares estão em constante evolução, tanto em seu material, quanto em sua plataforma. Portanto, pergunte ao seu oftalmologista qual é a lente mais indicada ao seu estilo da vida.



Cuidados Pré Operatórios

Não usar creme ou maquiagem no dia do tratamento cirúrgico Estar acompanhado de um adulto Usar roupas confortáveis e folgadas, preferencialmente abertas pela frente Deixar objetos de valor em casa Portar documentos recomendados ( RG, guia de tratamento, carteira de convênios) Usar a prescrição de colírios pré operatórias.



Cuidados Pós Operatório

Usar protetores oculares, conforme orientação médica Repousar conforme indicação Pingar os colírios conforme orientação de seu cirurgião Lavar as mãos antes de pingar colírios nos olhos Usar lenços de papel descartáveis para limpar e secar a face Evitar coçar ou apertar os olhos Evitar ambientes quentes e poluídos, vapor, poeira,vento, shampoo e sabão no olho operado. Não frequentar piscinas ou mar nos primeiros 20 dias.



MÉDICOS HABILITADOS
Nome: Alexandre Urtiga De...
Nome: Fernando Betty Cresta

Nome: IAMSPE - EQUIPE DO CORPO...
Nome: Karen Miyuki Kubokawa

Nome: Larisa Fabiani
Nome: Leonardo de Resende...

Nome: Nicolas Cesario Pereira
Nome: Renato Andrade de Mattos...